segunda-feira, 30 de março de 2020

CURIOSIDADE :Origem da Música "BELLA CIAO" usada no filme Espanhol "La Casa de Papel"



A História da Música "Bella Ciao"

Conforme se acha escrito em vários textos e na Internet,esta seria uma espécie de "Hino" que os Italianos, sob o Domínio de Hitler, na época da 2ª Guerra Mundial,cantavam para os "Partizans"(Resitência Iuguslávia) que ajudavam a expulsar os soldados Alemães da Itália

A história por trás da música "Bella Ciao'" Hino dos protagonistas de "La Casa de Papel"O hino da resistência italiana teria sido levado ao País por um imigrante que estava nos Estados Unidos.

De acordo com outra versão, "Bella Ciao" teria surgido das canções populares das trabalhadoras dos campos de arroz do vale do rio Pó, no norte da Itália, no século 19.

Canções populares como "Picchia alla porticella" e "Fior di tomba" têm trechos que lembram "Bella Ciao".
É um Hino internacional de resistência E sua origem é disputada por muitos.
Mas, a origem de Bella Ciao, pode ser ainda mais antiga.
Alguns sugerem que a melodia é uma adaptação de uma canção Klezmer, um gênero que emerge da tradição musical de judeus asquenazíes, da Europa Oriental. Mais especificamente de "Oi Oi di Koilen", do acordeonista ucraniano Mishka Ziganoff, que foi gravada em Nova York em 1919.
Mas a história de "Bella Ciao" não termina aí.
Nos anos 60, a música se tornou um hino popular durante as manifestações de trabalhadores e estudantes na Itália.
No governo de Silvio Berlusconi, partidos de esquerda italianos cantavam a música antifascista como forma de protesto.
Mais recentemente, durante uma manifestação de bancários por aumento salarial em Buenos Aires, os funcionários parodiaram a letra de "Bella Ciao" e cantaram para o governo de Mauricio Macri:
"Somos bancários, queremos aumento e Macri tchau, tchau, tchau".
No Chile, no início dos anos 1970, durante o governo de Salvador Allende, o grupo Quilapayún adotou "Bella Ciao" como uma canção de protesto.
Veja a letra de "Bella Ciao", em tradução livre para o português:

"Uma manhã, eu acordei
Bela, tchau! Bela, tchau! Bela, tchau, tchau, tchau!
Uma manhã, eu acordei
E encontrei um invasor
Oh, partigiano leve-me embora
Bela, tchau! Bela, tchau! Bela, tchau! Bela, tchau, tchau, tchau!
Oh, membro da Resistência, leve-me embora
Porque sinto que vou morrer
E se eu morrer como partigiano,Bela, tchau! Bela, tchau! Bela, tchau, tchau, tchau!
E se eu morrer como partigiano,
Você deve me enterrar
E me enterre no alto das montanhas
Bela, tchau! Bela, tchau! Bela, tchau, tchau, tchau!
E me enterre no alto das montanhas
Sob a sombra de uma bela flor
E todas as pessoas que passarem
Bela, tchau! Bela, tchau! Bela, tchau, tchau, tchau!
E todas as pessoas que passarem
Te dirão: Que bela flor!
E essa será a flor da Resistência
Daquele que morreu pela liberdade
E essa será a flor da Resistência
Daquele que morreu pela liberdade *
----------------------------
* NOTA :
Normalmente se coloca como autor anônimo. Mas ,claro que teve um autor. Embora haja dúvida sobre quem escreveu essa primeira letra,que depois ficou mais conhecida no idioma italiano,pois eram estes que estavam sob o Domínio de Hitler e Mussolini e que pediam ajuda aos "Partisans" (resistência dos Iugoslavos,na 2ª Guerra Mundial)
......................................................
(Compilação do texto e explicação : A.G.)
Reedição :30/03/2020

Nenhum comentário:

Postar um comentário